menu
Topo
Blog do Dr. Cristiano Nabuco

Blog do Dr. Cristiano Nabuco

Categorias

Histórico

Terapias digitais já tratam insônia e alcoolismo; saiba mais sobre elas

Dr. Cristiano Nabuco

04/12/2018 04h00

Photo by NordWood Themes on Unsplash

Como especialista no estudo do comportamento humano nas plataformas digitais há mais de uma década, venho chamando a atenção, repetidamente, para o quanto o uso abusivo das novas tecnologias –celulares, tablets e seus aplicativos — vem nos cobrando um alto preço, ao comprometer a qualidade da saúde mental de muitos. (1)

Por outro lado, eu não poderia deixar de apontar que algumas terapias digitais também vêm sendo desenvolvidas com o objetivo de melhorar vários tratamentos e, desta forma, sendo usadas em conjunto com medicações e outras intervenções comportamentais.

Atualmente, são contabilizados mais de 350.000 aplicativos voltados apenas à saúde disponíveis no mercado ao público em geral. Todavia, ao contrário de muitos aplicativos comerciais voltados ao bem-estar, a terapêutica digital segue um caminho derivado da medicina e da psicologia baseadas em evidências, tendo como alvo vários problemas de saúde mental. (2)

Insônia

Um programa baseado na web, chamado Sleepio, realiza uma intervenção com a duração de 6 semanas, com base na psicoterapia cognitivo-comportamental, e o paciente, em vez de passar por um psicólogo real, tem contato com especialista virtual em sono que, junto ao seu cachorro virtual, entretêm o paciente ao longo das interações, mas, na verdade, o personagem é apenas um disfarce para que um programa completo de intervenção psicológica digitalizada seja aplicado. (3-4)

Testado com pessoas que apresentavam insônia crônica, 70% dos participantes, que completaram a intervenção online com esse tutorial, apresentaram um sono saudável após o término do programa, em comparação com menos de 30% dos participantes que receberam apenas placebo usado na forma de exercícios de visualização. (5)

Outros ensaios clínicos randomizados foram publicados desde então, incluindo um estudo em 3.755 participantes do Reino Unido, mostrando que a melhora do sono também resultou em uma melhora na saúde mental geral. (6)

Um ponto importante a ser destacado é que qualquer pessoa com insônia crônica pode ir ao médico e tomar um remédio quando estiver com problemas para dormir, entretanto, muito raramente segue adiante para incluir uma psicoterapia específica indicada para esse fim. Assim, esse tutorial ensina os pacientes a manejarem seus sintomas e agirem sobre o problema, em vez de apenas usarem medicação.

Abuso de álcool e outras substâncias

A reSET é uma ferramenta voltada ao tratamento de transtornos por uso de substâncias, como o alcoolismo, e ao ser liberada pela Food and Drug Administration, tornou-se a primeira prescrição terapêutica digital para o tratamento de doença. (9)

O programa auxilia pacientes usuários de álcool, cocaína, maconha e outros estimulantes, a rastrear o uso dessas substâncias em seu cotidiano, ou seja, consegue medir as expectativas e os fatores desencadeantes do uso (mal-estar, pressão social ou solidão, por exemplo). Assim sendo, os profissionais que trabalham com esses pacientes podem, inclusive, acessar um painel para verificar os dados de um paciente e, dessa forma, monitorar em tempo real sua capacidade de progresso ou eventuais recaídas. (10).

Outras empresas estão desenvolvendo ferramentas que os pacientes e seus profissionais de saúde poderão usar de maneira colaborativa. A Pear Therapeutics está criando tratamentos digitais para transtorno de estresse pós-traumático, transtorno de ansiedade generalizada e esquizofrenia. (7-8)

Conclusão

Em tempos em que a tecnologia é assimilada de maneira natural e, muitas vezes, sem muita consciência, é possível que esses recursos digitais consigam romper as barreiras que impedem, muitas vezes, os pacientes de buscar uma ajuda especializada frente às variáveis que compõem o funcionamento psicológico e, assim, se tornem mais ativos no manejo de seus problemas.

Dessa forma, ao desenvolver uma melhor compreensão dos mecanismos emocionais que promovem e mantém nosso equilíbrio, a ascensão das terapias digitais poderá mudar, em muito, nossa qualidade de vida em um futuro bastante próximo.

Referências

  1. https://loja.grupoa.com.br/vivendo-esse-mundo-digital-p989873
  2. https://research2guidance.com/325000-mobile-health-apps-available-in-2017/
  3. https://itunes.apple.com/us/app/sleepio/id910208298?mt=8
  4. https://www.theguardian.com/technology/2014/jul/14/jawbone-up-sleepio-app-review
  5. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3353040/
  6. https://www.thelancet.com/pdfs/journals/lanpsy/PIIS2215-0366(17)30360-7.pdf
  7. https://peartherapeutics.com/
  8. https://itunes.apple.com/us/app/pear-reset/id1096230845?mt=8
  9. https://www.nytimes.com/2014/05/25/magazine/a-revolutionary-approach-to-treating-ptsd.html
  10. https://www.apa.org/monitor/2018/11/cover-digital-therapies.aspx

Sobre o autor

Cristiano Nabuco é psicólogo e atua em consultório particular há 32 anos. Tem Pós-Doutorado pelo Departamento de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Atualmente trabalha junto ao PRO-AMITI do Instituto de Psiquiatria do HC/FMUSP; Coordena o Núcleo de Terapias Virtuais (SP) e o Núcleo de Psicoterapia Cognitiva de São Paulo. Foi Presidente da Federação Brasileira de Terapias Cognitivas (FBTC). Publicou 13 livros sobre Psicologia, Psiquiatria e Saúde Mental.

Sobre o blog

Neste espaço, são discutidas ideias e pesquisas sobre comportamento humano, psicologia e, principalmente, temas que se relacionam ao cotidiano das pessoas. Assuntos centrais na construção de nossa autoestima, felicidade e vida. Seja bem-vindo(a)!